Cirurgia plástica no nariz

A Rinoplastia é uma cirurgia plástica que atua diretamente na correção de diversos aspectos do nariz. Esse tipo de procedimento pode ser feito por razões estéticas ou de saúde. Dependendo da finalidade da cirurgia, ela pode alterar a estética, a função ou a estrutura do nariz do paciente.

Cirurgia plástica no nariz para estética

Falando em questões estéticas, a cirurgia plástica no nariz é uma das mais realizadas ao redor do mundo. Ela pode realizar a correção de deformidades originárias de doenças, traumas ou que foram se desenvolvendo ao longo do crescimento. Esse tipo de reparação costuma resultar também na melhora da autoconfiança e da autoestima do paciente.

Quando a Rinoplastia é realizada para a melhora do aspecto estético, é necessário um diálogo entre o paciente e o profissional.

Muitas pessoas procuram um cirurgião plástico em busca da cópia do nariz de uma celebridade ou por algo pronto. Entretanto, a estrutura do nariz de uma pessoa é única. Tentar partir de uma cópia pode levar a um resultado desproporcional e insatisfatório.

A cirurgia plástica no nariz deve ser feita de acordo com o que ficar harmonioso com o restante dos traços do paciente. Nem sempre o nariz que fica bonito em uma pessoa, vai ficar em outra. Por isso, o diálogo entre o médico e o paciente é importantíssimo para uma experiência positiva e um resultado agradável.

Cirurgia plástica no nariz por questões funcionais

Ainda, a Rinoplastia pode ser realizada por questões funcionais do nariz. Um dos principais motivos para essa cirurgia é o desvio de septo, situação que atinge milhões de pessoas. O desvio de septo pode atrapalhar a respiração, principalmente após esforços físicos. Ele acaba por causar obstrução nasal e fazer a pessoa ressonar ao dormir.

Além disso, a cirurgia plástica no nariz também pode corrigir anomalias congênitas como o lábio leporino. Nesse caso, a cirurgia é realizada para a reconstrução da estrutura e função do local.

O procedimento

A cirurgia plástica no nariz pode ser realizada de duas formas: aberta ou fechada. A escolha é feita pelo profissional responsável e decorre das necessidades do paciente e da estrutura do nariz em questão. A anestesia para os dois casos pode ser geral ou local com sedação. O médico é quem indicará o que for mais adequado para o quadro do paciente.

Na Rinoplastia aberta, são realizadas pequenas incisões no columela, tecido localizado entre as narinas. Logo após, a pele do local é levantada e a parte interna do nariz é exposta, possibilitando a remodelação do local. Já a Rinoplastia fechada é realizada através de incisões no interior das narinas, utilizando instrumentos cirúrgicos pequenos e delicados. Ambas as técnicas são utilizadas por profissionais e apresentam resultados satisfatórios. A Rinoplastia fechada costuma demorar menos, entre uma e duas horas. Já a cirurgia de nariz aberta leva de duas a três horas. O período de internação para ambas costuma ser de 6 a 12 horas após o procedimento.

As alterações podem ser feitas no dorso, o qual pode ser abaixado ou aumentado. Na ponta, que pode ser afinada, levantada ou definida através de enxertos. Já as narinas podem ser diminuídas atrás de sutura interna ou a retirada de tecidos.

Ainda, quando a cirurgia ocorrer por questões funcionais, o desvio do septo pode ser tratado. Uma única Rinoplastia pode conter vários desses projetos ou tratar apenas de um ponto que incomode o paciente.

Pós-operatório da cirurgia plástica no nariz

A Rinoplastia não é um procedimento cirúrgico com um pós-operatório muito doloroso. Apesar de uma aparência inchada, principalmente por manipular uma região sensível, o paciente não costuma sentir dores fortes ou incômodo. O paciente deve seguir as recomendações do médico durante as semanas seguintes para facilitar a cicatrização e uma recuperação confortável.

Apesar da recuperação tranquila, algumas consequências do trauma cirúrgico são inevitáveis. Geralmente ocorre a colocação de uma tala de proteção durante a primeira semana. Isso faz com que o paciente possa enfrentar dificuldade em respirar nos primeiros dias após a cirurgia. Ainda, devido à proximidade com o nariz, a região dos olhos pode apresentar equimose, resultando em inchaço e pele roxa.

Entretanto, a recuperação da cirurgia plástica no nariz é muito rápida. Muitas pessoas voltam à rotina apenas alguns dias após o procedimento. Como qualquerprocedimento cirúrgico, é necessário evitar esforço físico e seguir a recomendação de repouso médico durante as primeiras semanas.

Geralmente, em 15 dias a aparência do local volta completamente ao normal, sem equimose ou inchaços. Entretanto, a recuperação da cirurgia depende da cicatrização de cada paciente.

Alguns cuidados importantes durante o pós-operatório:

  • Não manusear ou assoar o nariz durante as primeiras semanas;
  • Não expôr o rosto ao sol durante o primeiro mês;
  • Comer alimentos frios durante os primeiros dias;
  • Não realizar esforços físicos durante as primeiras semanas;
  • Dormir com a cabeça elevada nas primeiras semanas;
  • Lavar o local com soro fisiológico diariamente após a retirada do tampão;
  • Não tomar medicamentos que alterem a coagulação sanguínea nas primeiras semanas.

Resultados da cirurgia plástica no nariz

Apesar de apresentar uma recuperação rápida, a Rinoplastia é um dos tipos de cirurgia que mais demoram para exibir seu resultado. Geralmente, os edemas e equimoses da cirurgia desaparecem nas primeiras semanas. Entretanto, dependendo do tipo de manipulação que foi realizada no nariz, o inchaço pode demorar muitos meses para diminuir.

Quando realizada uma Rinoplastia aberta, a cicatriz pode demorar meses para desaparecer. Entretanto, ela fica localizada entre as narinas, um local pouco visível, mantendo a discrição do procedimento. O inchaço pode variar ao longo dos meses, diminuindo e aumentando de acordo com a rotina do paciente. Em geral, o resultado final só pode ser visto em sua totalidade após 1 ano da realização da cirurgia.